positivonegativo

"nós somos o sítio que nos faz falta."

"O que há em mim é sobretudo cansaço -
Não disto nem daquilo,
Nem sequer de tudo ou de nada:
Cansaço assim mesmo, ele mesmo,
Cansaço."


Álvaro de Campos

Quinta-feira, 30 de Agosto de 2012

o homem da marioneta.

hoje dei um passeio pelas ruas da minha futura cidade e encontrei um homem na rua a puxar os fios a uma marioneta que tocava violino, e por entre a roupa larga detectei-lhe uma certa magreza mórbida e sensual. tinha o cabelo curto, a barba escandalosamente grande e um certo ar apaixonado - se um homem que fica a fazer uma marioneta tocar ao som de músicas repetitivas durante quatro horas não é desesperado, loucamente apaixonado, então não sei o que seja. o meu coração caiu-lhe ao pés.

não sei porque amo tantos homens nem porque deixo o coração com todos eles, nas suas olheiras sulcadas, nos narizes compridos, no olhar cansado, no cabelo infindável, mas deixo, e não esqueço nenhum desses homens que tão inconscientemente olhavam para outra direcção enquanto eu os cobiçava, estremecia, gritava por dentro e agradecia à natureza a dádiva que é poder contemplar estes milagres tão majestosos. 

deixei ao homem barbudo da marioneta a primeira moeda que me veio às mãos. ele sorriu, agradeceu e inclinou a cabeça, e eu desejei poder voltar a vê-lo assim que me mudar para a cidade, e amá-lo um pouco mais em segredo por uns minutos, tal como já amei por segundos todos os homens belos que por mim passam na rua e nunca mais torno a ver.

(de onde vêm todos eles, essas maravilhas andantes que tão distraidamente passam por mim?)

 

narmy. às 22:56
| comentar | favoritos
8 :
De marlene cerm a 31 de Agosto de 2012 às 02:16
para que cidade vás? oh, como amo homens assim.


De Mariana a 31 de Agosto de 2012 às 10:13
OLÁ!
Neste regresso às aulas personaliza os teus cadernos e livros como quiseres, para isto basta visitar o blog http://be_cool.blogs.sapo.pt/.
Beijinhos


De C. a 31 de Agosto de 2012 às 16:20
Quero ser como tu! Admiro tanto a tua facilidade em gostar das coisas mais simples.
Beijinho.


De dolcescrittora a 31 de Agosto de 2012 às 18:33
que bonito, é a beleza do dia-a-dia!
vejo que se antecipou e isso é muito bom! pois, eu também não penso satisfazer-lhes a vontade tão cedo. Carros para mim, por agora, só no banco de pendura.


De meninapequenina. a 31 de Agosto de 2012 às 21:34
Este texto está belo.É um retrato magistral dos seres que nos arrebatam o coração.
Sim,vou tentar segurar a felicidade.


De Fii a 1 de Setembro de 2012 às 12:10
É engraçado como por vezes sinto exactamente o mesmo.


De Polaris a 1 de Setembro de 2012 às 21:12
Ao ler os teus posts sinto uma satisfação imensa, simplesmente porque tu és uma pessoa realmente apaixonada pela vida :\ e isso é tão lindo e deixa-me emocionada.

Beijinhos


De Mariella a 10 de Setembro de 2012 às 02:34
não me canso de ler o que escrever.
e os homens fazem-no isto, conquistam o nosso coração com tão pouco.


comentar